Apenas mais um case de social media…

Vira e mexe é notícia em algum portal, blog ou afim um case sobre uma grande marca. Ora positivo e todos ficam babando na ação, ora negativo e todos estão a xingar muito no Twitter.

Há muitas empresas de olho nesses cases e querem reproduzir os mesmos resultados em suas contas. O que não é ruim, mas  às vezes não condiz com a própria realidade da marca.

Leia Mais

A boa para 2012 em comunicação digital


A boa para comunicação digital, cibercultura, publicidade e todas as outras áreas é: Planejamento Estratégico.

 

Não se trata da invenção da roda, mas é que planejamento é item essencial para atingirmos os resultados que desejamos. E o objetivo de todo planejamento é resultado.

E como planejamento e resultado não andam sozinhos, é importante que todas as informações estejam dentro do pacote. Devemos ter foco, análise, monitoramento e avaliação:


Leia Mais

Confira o que rolou de mais legal na Expo Y 2011

A Expo Y é um evento de discussão sobre questões relacionadas à geração Y e empreendedorismo. Também é um evento para ampliação de networking e pra conhecer novas ideias e pessoas com muito a acrescentar não só profissionalmente, como pessoalmente.

A exposição que começou na segunda-feira, dia 18 e terminou na

quarta- feira, dia 20, aconteceu no Pavilhão da Bienal, no Ibirapuera e contou com diversos palestrantes que se apresentaram em três arenas (Arena Y, Arena Visa e Arena Itaú), que tinham temas diferentes sendo tratados ao mesmo tempo. Foi bastante difícil escolher o conteúdo mais relevante e seguir pra respectiva arena, a vontade era estar nas três ao mesmo tempo!

A Expo Y contou com diversos palestrantes como: Edney Souza, o @interney, Bia Granja, Martha Gabriel, Eric Messa, Jonny Ken (migre.me), Estêvão Soares, Rosana, Ana Cortat, Luiz Algarra, Pc Siqueira, Marco Gomes, Bob Wollheim, dentre muitos outros, assim como o pessoal da SOAP, Campus Party, Dsop, Pto de Contato, Proxxima, Startupi, Endeavor, Link, Abradi, Cia de Talentos e Videolog etc.

Leia Mais

Social Media Brasil 2011 #smbr2011

Como previamente anunciado neste post, estivemos no Social Media Brasil 2011, que é o evento mais importante de redes sociais da América do Sul. Foram dois dias de palestras, debates, arenas, desconferências, entrevistas e muitonetworking.

As palestras aconteciam simultaneamente em duas salas distintas, o que por vezes nos deixou em dúvida do que era melhor para ser assistido e pra isso nos dividimos pra não perdemos nada do #smbr2011.

Ouvimos sobre “Storytelling: Como transmidia pode ser social media?”, “A influência das mídias sociais na decisão de compra do consumidor moderno”, “Reclame Aqui e O Boticário: Estão falando mal de sua marca, mas e daí?”, “Social Commerce – Como estar pronto para o futuro?”, “Gestão e Gerenciamento de Crise nas Redes Sociais”, “Social Content – Na vibe do branding do futuro”, “Redes Sociais e os cuidados jurídicos em torno delas”, “Como o mundo se torna mais social com as redes sociais?”, Fan pages no Facebook – Como criar e manter uma fan page de sucesso” , “Métricas em Social Media: por que não podemos ser amigos”, “Desafios de como ser trabalhar com uma empresa de nicho”, “Mapeamento do uso das redes sociais nas empresas”, “Sociologia, comportamento na internet e mudanças nas relações humanas”, “Criatividade nas ações  de redes sociais sem os criativos de sempre”, “Métricas e KPIs: como medir seu desempenho na prática”, “Twitter e Facebook como formas de comunicação além do RT e Like”, dentre tantas outras.

Destaque para Ruben Quinones, Estevão Soares, Gil Giardelli, o professor Claudir Segura e a excelente ideia da Arena proposta pelo pessoal do Somosp3 que proporcionou aprofundamento aos temas das palestras dadas e um networking insuperável. Parabéns ao Alexandre Formaggio pela organização do evento!

E aqui vão umas dicas do Ceschini pra vocês que não estiveram lá:
Leia Mais

Promoção nas redes

As promoções vêm alcançando muito sucesso nas redes sociais. Hoje, é comum você ver posts no Twitter, Orkut, Facebook etc. com links dando direitos a quem faz a publicação dessa informação a possibilidade de concorrer a todo tipo de prêmio.

Esta é uma forma fácil e rápida de fazer o nome de quem promove o sorteio chegar aos olhos de inúmeras pessoas com o perfil da sua marca, assim conseguir novos seguidores e clientes. Mas pode não ser a mais recomendada.

Não sou nenhum especialista no assunto, mas sempre que há uma promoção vejo minha timeline retuitando em massa, e a promoção se torna responsável, às vezes, por “floodar” ou poluir a minha timeline e a de quem os segue.

Me parece que essas promoções subestimam a inteligência dos participantes/clientes, parece também que é a única forma de fazer promoção.  Fico pensando que se talvez parassem um pouquinho mais para pensar no público –alvo, os resultados poderiam ser melhores. É verdade que quem está nas redes sociais procura informação, entretenimento, descontração, mas algo que seja e com um bom conteúdo. As promoções não podem fugir dessa regra, mesmo se o objetivo é simplesmente alcançar mais seguidores. Afinal, nada impede um participante dar “unfollow” na conta de uma empresa quando uma promoção chega ao fim. Para isso, dou algumas dicas:

  • Encare seu cliente como um “rival” criativo e faça questão de surpreendê-lo ou a promoção não atingirá seu objetivo, ou até atingirá, mas vai deixar louco quem faz as métricas porque os follows e unfollows terão altos e baixos;
  • Cumpra os prazos estabelecidos;
  • Elabore e faça questão de deixar claro todas as condições para os internautas concorrerem aos prêmios. Pois, caso haja alguma reclamação depois, você terá a segurança de ter as regras já estabelecidas e divulgadas;
  • Se errar ou falhar em algo, peça desculpas aos participantes e procure uma solução (criativa também) para contornar o problema. Muitas vezes uma atitude simpática diante de um problema pode mudar o resultado de todo um trabalho e até mesmo ser melhor do que o resultado final da promoção. Gerando uma imagem positiva da sua marca/empresa pro seu consumidor.

Seguindo isso sua promoção tem tudo pra dar certo. Pra terminar só mais uma dica: use as ferramentas certas, o Sorteie.me, da empresa brasileira Kingo Labs, é uma delas ou ainda o Random.org.

Vamos caprichar nas promos! Bom planejamento e bons negócios.

Precisando de ajuda, estamos por aqui!

Victor Vicentini, Administrador de Empresas; atuante e estudioso em mídias sociais, viciado em Foursquare.

http://twitter.com/#!/vicentinivictor

victor.vicentini@gmail.com

Leia Mais
Página 1 de 212