Implicações organizacionais de discursos/atitudes consideradas homofóbicas pela opinião pública

Por Gustavo Ferreira*

Sua empresa corre riscos de ficar mal falada ou ser deixada de lado pela parcela da população que respeita ou apóia o amor e o casamento entre pessoas do mesmo sexo?

Você pode pensar: Claro que não! Eu não sou homofóbico. Ou então: Meu público não é gay, esse assunto não me importa. Mas não é bem por aí…

Leia Mais