A comunicação por imagens. Os novos desenhos rupestres: cavernas 2.0

                         print_gazeMetrix

Nem sequer é para mim uma tentação de neófito. Os tais 140 caracteres  refletem algo que já conhecíamos: a tendência para o monossílabo como forma de comunicação. De degrau em degrau, vamos descendo até o grunhido.”  – José Saramago

Pensando na frase acima, bem que poderíamos adaptar esse aforismo de Saramago para o uso de imagens na comunicação. As pessoas estão substituindo a escrita por imagens. É quase que uma volta para o pictórico, o rupestre. Só posso pensar que estamos na época das cavernas 2.0. Só substituimos as paredes das cavernas por timelines.

Leia Mais

Do storytelling ao storybuilding: os novos passos das marcas

Storytelling é uma nova maneira que as marcas descobriram para contar sua história através dos tempos. A contação de histórias foi uma das primeiras maneiras encontradas para se perpetuar fatos no mundo.

Segundo o artigo do Rodrigo Cogo no blog Relações : “o contador de histórias recebeu vários nomes ao longo do tempo: era o ‘rapsodo’ para os gregos; o ‘griot’ para os africanos; o ‘bardo’ para os celtas, todos empenhados na narração oral como via para organizar o caos e perpetuar e propagar os mitos fundacionais de suas culturas, como “portador da voz poética.

Leia Mais

Há inteligência em social media


Temos sido bombardeados por “sucessos” e “hypes” nas redes sociais,  mais especificamente no Facebook, dando a impressão que esses exemplos isolados, com milhares de likes e compartilhamento sejam considerados cases reais e praticáveis para qualquer marca e empresa. Não é.

O trabalho de comunicação nas redes sociais é relativamente novo, estamos testando formatos e ainda não há receitas de bolo ou parâmetros definitivos como os 4 P´s do Jerome McCarthy. Vai muito além, pois depende do comportamento do usuário. É necessário estuda-lo para que sua campanha crie engajamento e faça com que o usuário passe adiante como formador de opinião.

Leia Mais

O usuário e o fenômeno da segunda tela

Pesquisa realizada em março deste ano pelo IAB e Comscore sobre hábitos de consumo de mídia no Brasil mostra que já somos 80 milhões de brasileiros conectados.

São várias as informações coletadas na pesquisa,  desde o tempo que os usuários ficam na internet, o que visitam em tempos livres, divisão de faixa etária, equipamentos, tipos de anúncios e reações frente os anúncios online.

Leia Mais