Apenas mais um case de social media…

Vira e mexe é notícia em algum portal, blog ou afim um case sobre uma grande marca. Ora positivo e todos ficam babando na ação, ora negativo e todos estão a xingar muito no Twitter.

Há muitas empresas de olho nesses cases e querem reproduzir os mesmos resultados em suas contas. O que não é ruim, mas  às vezes não condiz com a própria realidade da marca.

Leia Mais

Quanto mais simples melhor!

Analistas, coordenadores, planners de social media, seja lá o nome que você der a quem represente nas redes sociais marcas (sejam elas pequenas ou grandes) são pessoas que devem ser preocupada com pessoas.

Nós temos como matéria-prima do nosso fazer pessoas, trabalhamos com elas e por elas. E pra isso precisamos entendê-las.

Nesse processo de aprender mais sobre gente, temos uma série de exigências, sejam nossas próprias, sejam externas, que nos levam a buscar alternativas de ações que promovam maior engajamento da audiência.

Leia Mais

Somos sociais também – Novas badges no Foursquare

Semtit

Ganhar novas badges (aquelas insígnias que aparecem quando alguém realiza algum feito) no Foursquare está (aos poucos) tornando-se uma nova mania! Já é bastante comum ver tweets começando com a famosa frase: “I’m @” no Twitter, indicando que aquele cidadão acabou de realizar um check-in na venue de algum estabelecimento.

Com a popularidade da rede de geolocalização crescendo em todo mundo, mais badges são necessárias para o pessoal correr atrás de desbloqueá-las e fazer a grande roda girar! E conseguir a Ten Hundred Badge, liberada somente depois que o usuário fizer 1000 check-ins!  ;D (e eu estou me empenhando pra isso!)

Além de ser uma ótima oportunidade de estar mais presente na vida dos consumidores / clientes de pequenos e grandes negócios, lançando a cada dia novas “partner badges”, ou seja, atreladas à marca de anunciantes, como estas mais atuais, da Pepsi, Victoria Secret’s e da companhia que opera as linhas e estações de trens de São Francisco, a Bart, e das já conhecidas Specials,

Leia Mais

Por que investir em Mídia Social?

Algumas empresas tem feito a si mesmas essa pergunta: por que investir em mídia social? O que são essas redes sociais? Como é feito isso? Quem faz? Quanto custa? E o mais importante: pra que fazer mídia social?

São dúvidas que são comuns que vão passar na cabeça de todas as empresas e/ou marcas um dia. E que venha logo esse dia! Porque demorar a fazer parte do grupo de empresas e marcas que já estão no mundo digital é ficar pra trás no competitivo mundo dos negócios.

Mas ainda não respondi às perguntas feitas acima, não é mesmo? Antes disso vou mostrar um vídeo que fala muito do que eu poderia dizer a respeito.

Clique no link  A Revolução da Mídia Social para ver o vídeo

Convincente não?

Agora respondo às questões.

Leia Mais

Foursquare, um novo conceito em rede social

A rede social Foursquare criada em Nova Iorque, Estados Unidos em 2009 colocou definitivamente a palavra geolocalização em nossos dicionários e corretores ortográficos e um ano depois, já registrava crescimento de 3400%.  Mas… Foursquare, geolocalização? Você pode estar se perguntando o que é isto.

Também conhecido como #4sq, o Foursquare é uma rede social que do ponto de vista do usuário comum permite informar aos seus amigos / seguidores de outras redes como Facebook e Twitter a sua localização naquele exato momento. Você também pode receber dicas sobre o local que está sendo visitado, que vão desde saber se você foi bem atendido, se o preço daquele estabelecimento é bom ou se há um congestionamento naquele ponto da cidade, ou ainda mesmo se você conhece um local que serve um bolo maravilhoso e que mais ninguém conheça.

Para fazer os check-ins você precisa de um telefone celular, conexão à internet, um aplicativo instalado ou fazer uma visita à versão mobile do Foursquare. Nos Estados Unidos é possível atualizar o seu perfil através de mensagem SMS, mas infelizmente não existe previsão para que este serviço seja disponibilizado em outras partes do mundo.

A grande inovação é fazer o usuário não ficar parado na frente de um computador para utilizar a rede. A intenção é justamente oposta: explore a sua cidade, descubra novos lugares e pessoas com o Foursquare. E é realmente o que acontece. As pessoas saem atrás de badges (insígnias que as pessoas ganham e aparecem na sua página pessoal do Foursquare, por realizar determinados feitos, como fazer check-in num mesmo lugar três vezes numa mesma semana, veja a lista completa aqui) e quanto mais conseguem essas badges, mais querem. Uma das graças da rede social é disputar com amigos a quantidade de badges, ou ver quem consegue uma determinada badge primeiro.  A sensação é a mesma de jogar um social-game na vida real, na rua (com direito a pontos e troféus)!

Do ponto de vista das empresas, esta parece ser a vitrine perfeita (desde que o cliente saia satisfeito do seu estabelecimento) –  é a velha propaganda boca-a-boca ganhando novas proporções. O cliente que possui uma venue (é como chamamos o local de check-in) tem uma divulgação gratuita de sua marca, além de ser uma ótima ferramenta para fidelização do cliente (desde que utilizada para esse fim), já que quanto mais check-ins o usuário fizer no seuestabelecimento,  mais ele terá recompensas que o próprio Foursquare possibilita e até mesmo a empresa/marca pode oferecer aos seus consumidores pois ter uma página no Foursquare da sua empresa permite ter acesso a dados como quem fez check-in, quantas vezes isso aconteceu, quem é o mayor (prefeito, isso é, a pessoa que deu mais check-ins que outras pessoas no seu estabelecimento) e com eles, você pode criar promoções e premiar seus clientes, lançando uma estratégia em novas mídias ainda pouco usada no Brasil.

O Foursquare é uma rede que traz vantagens tanto para as empresas quanto para os usuários, mas por que ela ainda não caiu nas graças do internauta brasileiro, que é usuário assíduo de redes sociais?

Muitos têm medo de usar o serviço(isso por uma questão de segurança!), mas há algumas dicas que podem ser muito valiosas de como fazer check-in de maneira segura (e ninguém precisa mais ter medo):

  • Dar check-in somente em locais públicos, com circulação de um bom número de pessoas;
  • Se for criar uma venue (um local no Foursquare) da sua residência ou local de trabalho, não coloque o endereço;
  • Você também pode deixar para dar o check-in no momento em que você estiver saindo do local.

Mas o principal é que você tem a opção de escolher quem poderá ver aquele check-in que você esta fazendo. Você pode atualizar sem que ninguém veja aquela informação (o que é meio contrário a ideia do serviço, mas às vezes pode ser util).

O fato é que o Foursquare é um serviço que trás uma imensa gama de novas ações publicitárias aos anunciantes e permite que os usuários interajam entre si de uma forma diferente. Se você se interessou e ainda não tem uma conta no Foursquare, visite esta página e comece agora mesmo a explorar a sua cidade e conquistar badges!

Este vídeo (em inglês) disponível na página inicial do Foursquare mostra bem como o usuário pode interagir com o mundo através da rede e fazer da sua empresa o point mais badalado da cidade!

Victor Vicentini

Victor Vicentini, Administrador de Empresas; atuante e estudioso em mídias sociais, viciado em Foursquare.

http://twitter.com/#!/vicentinivictor

victor.vicentini@gmail.com

Leia Mais
Página 1 de 212