São Paulo tem a Sampa Badge no Foursquare

Hoje é um dia importante, eu diria até mesmo histórico, ao menos para quem é fã e do termo geolocalização, mais precisamente ao Foursquare.

Na semana passada a rede que distribui insígnias para os seus usuários lançou uma nova categoria destes prêmios tão cobiçados, as Local Badges. Elas são símbolos que representam uma determinada cidade e para desbloqueá-los o usuário precisa estar necessariamente neste local (claro!) e visitar cinco lugares que estão catalogados em listas criadas pelo próprio 4sq e que representam o lugar, seuas pessoas, modo de vida, cultura etc.

Leia Mais

Foursquare, um novo conceito em rede social

A rede social Foursquare criada em Nova Iorque, Estados Unidos em 2009 colocou definitivamente a palavra geolocalização em nossos dicionários e corretores ortográficos e um ano depois, já registrava crescimento de 3400%.  Mas… Foursquare, geolocalização? Você pode estar se perguntando o que é isto.

Também conhecido como #4sq, o Foursquare é uma rede social que do ponto de vista do usuário comum permite informar aos seus amigos / seguidores de outras redes como Facebook e Twitter a sua localização naquele exato momento. Você também pode receber dicas sobre o local que está sendo visitado, que vão desde saber se você foi bem atendido, se o preço daquele estabelecimento é bom ou se há um congestionamento naquele ponto da cidade, ou ainda mesmo se você conhece um local que serve um bolo maravilhoso e que mais ninguém conheça.

Para fazer os check-ins você precisa de um telefone celular, conexão à internet, um aplicativo instalado ou fazer uma visita à versão mobile do Foursquare. Nos Estados Unidos é possível atualizar o seu perfil através de mensagem SMS, mas infelizmente não existe previsão para que este serviço seja disponibilizado em outras partes do mundo.

A grande inovação é fazer o usuário não ficar parado na frente de um computador para utilizar a rede. A intenção é justamente oposta: explore a sua cidade, descubra novos lugares e pessoas com o Foursquare. E é realmente o que acontece. As pessoas saem atrás de badges (insígnias que as pessoas ganham e aparecem na sua página pessoal do Foursquare, por realizar determinados feitos, como fazer check-in num mesmo lugar três vezes numa mesma semana, veja a lista completa aqui) e quanto mais conseguem essas badges, mais querem. Uma das graças da rede social é disputar com amigos a quantidade de badges, ou ver quem consegue uma determinada badge primeiro.  A sensação é a mesma de jogar um social-game na vida real, na rua (com direito a pontos e troféus)!

Do ponto de vista das empresas, esta parece ser a vitrine perfeita (desde que o cliente saia satisfeito do seu estabelecimento) –  é a velha propaganda boca-a-boca ganhando novas proporções. O cliente que possui uma venue (é como chamamos o local de check-in) tem uma divulgação gratuita de sua marca, além de ser uma ótima ferramenta para fidelização do cliente (desde que utilizada para esse fim), já que quanto mais check-ins o usuário fizer no seuestabelecimento,  mais ele terá recompensas que o próprio Foursquare possibilita e até mesmo a empresa/marca pode oferecer aos seus consumidores pois ter uma página no Foursquare da sua empresa permite ter acesso a dados como quem fez check-in, quantas vezes isso aconteceu, quem é o mayor (prefeito, isso é, a pessoa que deu mais check-ins que outras pessoas no seu estabelecimento) e com eles, você pode criar promoções e premiar seus clientes, lançando uma estratégia em novas mídias ainda pouco usada no Brasil.

O Foursquare é uma rede que traz vantagens tanto para as empresas quanto para os usuários, mas por que ela ainda não caiu nas graças do internauta brasileiro, que é usuário assíduo de redes sociais?

Muitos têm medo de usar o serviço(isso por uma questão de segurança!), mas há algumas dicas que podem ser muito valiosas de como fazer check-in de maneira segura (e ninguém precisa mais ter medo):

  • Dar check-in somente em locais públicos, com circulação de um bom número de pessoas;
  • Se for criar uma venue (um local no Foursquare) da sua residência ou local de trabalho, não coloque o endereço;
  • Você também pode deixar para dar o check-in no momento em que você estiver saindo do local.

Mas o principal é que você tem a opção de escolher quem poderá ver aquele check-in que você esta fazendo. Você pode atualizar sem que ninguém veja aquela informação (o que é meio contrário a ideia do serviço, mas às vezes pode ser util).

O fato é que o Foursquare é um serviço que trás uma imensa gama de novas ações publicitárias aos anunciantes e permite que os usuários interajam entre si de uma forma diferente. Se você se interessou e ainda não tem uma conta no Foursquare, visite esta página e comece agora mesmo a explorar a sua cidade e conquistar badges!

Este vídeo (em inglês) disponível na página inicial do Foursquare mostra bem como o usuário pode interagir com o mundo através da rede e fazer da sua empresa o point mais badalado da cidade!

Victor Vicentini

Victor Vicentini, Administrador de Empresas; atuante e estudioso em mídias sociais, viciado em Foursquare.

http://twitter.com/#!/vicentinivictor

victor.vicentini@gmail.com

Leia Mais