Pensar além do engajamento

Por Marcia Ceschini*

Foi basicamente esse o ensinamento de Jeremy Brook, head global de estratégia digital e inovação em mídia da Heineken, em sua fala no Proxxima 2014. Com o tema  Responsibly cool: 150 years Young, o executivo mostrou como uma marca com 150 anos de história pode se manter e se tornar jovem.

Com uma das apresentações mais comentadas do dia, e uma das quais eu gostaria de ter assistido, Brook confirmou que um dos grandes desafios da marca, é manter-se jovem, contemporânea e inovadora, sem a necessidade de alterar o produto para isso.

Os principais agentes responsáveis pela definição das estratégias da marca para que isso aconteça são, segundo artigo da revista Proxxima,: ‘’1)  Críticas – são futuros defensores: elas inspiram a empresa a realizar um trabalho de qualidade e inovador; 2) consumidores engajados são um “sonho”: eles existem na sua imaginação, mas não são realidade, não se pode associar engajamento à participação; 3) colocar pessoas e cultura em primeiro lugar: aproximar-se dos consumidores, da sua cultura para entender o que os motiva.”

A proposta da marca é pensar além do engajamento. É valorizar a participação das pessoas que amam sua marca.

jeremy brook

 

 

 

 

 

Para finalizar, sugiro leitura do excelente resumo que o Luiz Andreoli, do blog Prosa Nova, fez da palestra. Ele estava presente e captou os melhores insights.

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

Comentários


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *