Dá para fazer mais do que entregar rosas…

rosasPor Gustavo Ferreira*

Rosas não são mais o suficiente… Não que algum dia elas tenham sido… mas… quem sou eu para fazer de conta que a comunicação não ganhou as mulheres por muito tempo com rosas e cartões com imagens e poemas baratos, não é mesmo? Dava certo (e ainda dá em muitos casos…) mas escrevo na torcida de que a percepção da sua empresa não seja ainda míope ao ponto de achar que uma rosa e um tapinha nas costas homenageia as mulheres que fazem as coisas acontecerem em sua organização neste Dia Internacional da Mulher que se aproxima.

Há inúmeras possibilidades de sua marca homenagear as colaboradoras e as clientes nesta data. A avançada tecnologia que temos hoje à serviço da comunicação abre um leque de oportunidades para as mentes criativas e para as empresas inteligentes realizarem as melhores campanhas possíveis para lembrar o público feminino o quanto ele é importante para elas.

A cada ano que passa as possibilidades aumentam, e com isso, a espera por campanhas sensacionais, interativas, simples e impactantes, também aumenta por quem gosta de comunicação. Nós queremos saber!

O que a sua empresa preparou? Conteúdos personalizados? Mídia interativa? Investimento em educação corporativa? Evento? Bonificações? Sincronia com gadgets para ações especiais? De que formas atingirá as mulheres e os homens que estão à volta delas, estimulando-os a ter um novo olhar sobre a figura feminina no mercado de trabalho?

Pense nisso… se nesse ano deu tempo… invista para o ano que vem! Faça testes preparando outras campanhas fantásticas durante o ano. Data comemorativa é o que não falta por aqui…

guferreira-150x150 Gustavo Ferreira –  Relações Públicas 2.0, Gerente de Comunicação Digital da Simas Assessoria Empresarial, palestrante e pesquisador do comportamento humano nos meios de interação digital.

Comentários


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *