Criatividade não é só ter um texto engraçado

“O que você diz na publicidade é mais importante do que como você diz” – David Ogilvy

Por Marcia Ceschini*

Hoje vou entrar na seara da redação publicitária. Instigada por dois anúncios que vi em outdoors locais, cuja redação pisou na bola, vou discutir aqui os caminhos ideais para uma redação que cumpre seu papel de atingir o objetivo de comunicação.

No primeiro outdoor eu vi uma série de “kkkkks”  que na linguagem da internet significa um “ataque de risos”. A mensagem era para comunicar uma loja que vende aparelhos ortopédicos e a empresa tem K no nome. A única vantagem desse anúncio foi chamar a atenção, mas se analisarmos como comunicação de marca, é falha. Qual a ligação de múltiplos risos com uma nova loja e que vende material ortopédico? Deixo para vocês pensarem.

No segundo outdoor, de uma clínica gastro, tinha uma poltrona com marcas de que uma pessoa gorda tivesse sentado e a mensagem  “a única coisa que deve pesar é sua saúde”.  Oi? O objetivo deve ser passar mensagem de leveza e saúde, porém,  saúde não pesa. A não ser no bolso, mas isso é um investimento se você cuida bem.

Anúncios all type impactam muito, quando bem redigidos, pois usam pouco texto para persuadir o receptor,  como esse do Burger King.

burger king

Ou esse da Wiskas que comunica direitinho o “desejo” do gato:
wiskas
O objetivo em uma redação publicitária é:
1) ser claro – passe a mensagem logo de cara
2) ser conciso – fale pouco, mas diga tudo
3) ser interessante – Saiba o que quer dizer com seu anúncio
4) ser direcionado ao receptor – quem vai receber a mensagem recebê-la como você deseja?
5) ser persuasivo – sua mensagem vai fazer o receptor desejar aquele produto ou serviço?

Se o seu texto cumpriu os requisitos básicos do objetivo de comunicação, ele estará ok. Sempre faça brainstorm, discuta com sua dupla de criação e com seu diretor de arte. Não deixe seu cliente passar vergonha porque vocês acharam que seu texto engraçado e diferente, mas que na verdade não comunica adequadamente.

E não sou só eu que falo, confira os conselhos de um dos redatores publicitários mais respeitados até hoje, David Ogilvy:

david

 

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

5 Comentários

  • Fernanda Miranda 26 / 02 / 2014

    Eu vi esse da saúde e fui pra casa tentando entendê-lo… tem outro que cabe na seu post, Marcinha, o do 22 de agosto… além de tudo, acho que ficou feio e poluído… adorei o texto… bjss

    Responder

    • marcia 26 / 02 / 2014

      Fernanda,

      Confesso que do 22 de Agosto também achei tosco, principalmente o “sr de 72 anos” que colocaram no corpo sarado, sem uma editoração melhor.
      Enfim, eu creio que um curso de reciclagem nos redatores sucupirenses cairia bem hahahaha

      Marcinha

      Responder

  • Cassio Panzarini 26 / 02 / 2014

    Primeiramente, parabéns pelo seu blog Marcinha! Vou aproveitar as dicas para quando precisar comunicar através de texto a divulgação do Restaurante. Bjos e sucesso.

    Responder

    • marcia 26 / 02 / 2014

      Olá Cassinho,

      Fico feliz que tenha lhe inspirado. Boa sorte com o Tessa Restaurante.
      Beijos

      Marcinha

      Responder


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *