O combinado não sai caro!

Por Rayanna Moreira*

Não é de hoje e nem é novidade para ninguém que a empresa precisa ter presença digital. Aprendemos com os gurus em eventos nacionais e mundiais que se a empresa não é encontrada, ela não existe.

Desta forma, nenhuma empresa, seja ela pequena ou grande, quer ficar para trás. Tomados do pressuposto de que essa “representatividade” é de baixo custo, as empresas entregam a sua comunicação a pessoas que possuem a mão-de-obra mais barata.

Percebo que os “sobrinhos” estão ganhando mais e mais espaços em empresas que ignoram a etapa de investir em si mesmas e em seus colaboradores. De que adianta um presença digital de uma empresa com conteúdo não planejado e total despreparo no relacionamento com o cliente? Que tipo de retorno e valor agregado pode sair dali? São esses tipos de questionamentos que não são colocados em pauta na hora de decidir a melhor forma de apresentar-se ao mundo. Em consequência, observamos a torturante matança do português, do inglês e de muitos princípios da Comunicação.

Engana-se que acha que isso só acontece com os “sobrinhos”. Há muitos profissionais que estão nesse caminho. Certo conhecimento eles têm. Será falta de que, então? De rebaixar o ego para aprender um pouco mais? Eu costumo dizer que junto com o conhecimento, deve estar o zelo. O cuidado com o que se está representando, com o conteúdo e com cada linha e entrelinha do que se fala. Pra mim, conhecimento sem zelo é só mais um sobrinho, que apenas faz o combinado e é bem mais barato. Está mais do que na hora de ser “caro”.

RayannaRayanna Moreira– Publicitária e aspirante a Social Media. Uma protetora das mídias sociais indefesas.

5 Comentários

  • Rodrigo Serrão 14 / 03 / 2013

    Gostei muito, reflete a atual situação do nosso mercado

    Responder

    • marcia 14 / 03 / 2013

      Olá Rodrigo,

      Agradecemos por complementar com seu comentário.
      Abraços

      Responder

    • Rayanna Moreira 14 / 03 / 2013

      Oi, Rodrigo, o que esperamos é que isso mude um dia. 🙂

      Responder

  • Maria Eduarda 13 / 11 / 2013

    Me ajudou muito o seu texto Rayanna espero que publique mais ainda. 🙂

    Responder

    • marcia 13 / 11 / 2013

      Olá Maria Eduarda,

      Agradecemos o elogio e iremos repassar para a Rayanna. Mas ela está afastada do blog, por motivos de estudo.
      Abraços

      Responder


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *